Mídia reabilita um escroque para tentar incriminar Bolsonaro

Publicado em: Terça-feira, 13 de Julho de 2021, 06:35h - Por: Blog do Toni

Todos os escroques do mundo estão sendo reabilitados para tentar incriminar Jair Bolsonaro. Temos agora o caso do Luis Miranda. O sujeito é uma fraude ambulante dado o grande número de processos que responde na justiça. Processos sob acusação de enganar os outros, diga-se de passagem. Agora virou o queridinho da Globo, da TV Cultura de São Paulo, do site O Antagonista e de todos quantos desejam o fim do atual governo, nem que seja para jogar o Brasil nas sombras do obscurantismo petista. Não existe pior caminho.

Vejamos o que relacionou a Rede Bandeirantes sobre o notório Luis Miranda:

*** 2005, abriu a rede de clínicas estéticas FitCorpus, que declarou falência no fim de 2013. A empresa foi alvo de pelo menos 26 ações de franqueados, sócios, pacientes e funcionários. Em um deles, teve 30% de seu salário como deputado penhorado para pagar uma dívida.

*** Em 2019, uma reportagem do Fantástico, da TV Globo, revelou que ele foi acusado de aplicar golpes milionários em negócios que ele oferecia sociedade e venda de cursos online. O deputado negou as acusações.

*** Sandro Silveira, um dos sócios de Miranda que disse ter perdido R$ 150 mil, relatou ameaças de morte por parte de Miranda pouco depois. Ele registrou o caso, que é investigado pela Polícia Civil.

*** Também foi acusado de lesar diversas pessoas por não entregar produtos vendidos por sua empresa de importação e exportação Gifts For World, fundada em Miami.

*** Em dezembro de 2019, o Tribunal Superior Eleitoral rejeitou as contas de campanha do deputado do DEM, por falta de comprovação de gastos e R$ 95 mil em saques não destinados ao fundo de caixa. Apesar da decisão, ele segue no cargo e a defesa recorreu.

Estou de volta:

É claro que tem mais. Mas fica para uma outra oportunidade. Hoje ele aparece no noticiário insinuando que gravou conversa com o presidente.

Cumpre lembrar que esse camarada foi eleito na onda bolsonarista de 2018. E era recebido com gentilezas em Planalto até recentemente. Faz jus ao que Bolsonaro diz sobre ele: “É um Judas.”

Interessante: a mídia caiu de pau em cima do Sérgio Moro, que era juiz federal, por ter liberado gravações de um boquirroto corrupto chamado Lula, depois de comprovar-se todo o seu envolvimento na maior roubalheira da história do país.

Essa mesma mídia defende que se divulgue uma suposta gravação feita sem consentimento só porque envolveria Bolsonaro. O obscurantismo petista não encontra limites. (TR)

 

>>> Na foto acima, Miranda sendo recebido em palácio por Bolsonaro

 

Aviso de cookies
Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nossos serviços. Ao utilizar nossos serviços, você concorda com tal monitoramento. Saiba mais na nossa Política de privacidade