Economia

Desemprego cai e atinge menor marca trimestral em seis anos

Publicado em: Terça-feira, 31 de Maio de 2022, 14:46h - Por: Redação
Compartilhar
Divulgação
Índice ficou em 10,5% no trimestre encerrado em abril de 2022

A taxa de desocupação no Brasil ficou em 10,5% no trimestre encerrado em abril de 2022, de acordo com dados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (Pnad Contínua) divulgados nesta terça-feira (31) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). O percentual é o menor desde o trimestre encerrado em fevereiro de 2016, quando a marca foi de 10,3%.

Na comparação com o mesmo trimestre – de fevereiro a abril – em outros anos, o resultado é o melhor desde 2015, quando o percentual de desocupados era de 8,1%. O resultado divulgado nesta terça ainda mostrou que a taxa atual caiu 0,7 ponto percentual em relação ao trimestre de novembro de 2021 a janeiro de 2022, e 4,3 pontos percentuais em relação ao mesmo período de 2021.

Ao longo do trimestre encerrado em abril, o país registrou uma abertura de 1,083 milhão de vagas no mercado de trabalho. A população ocupada alcançou um recorde de 96,512 milhões de pessoas no período. Em um ano, mais 9,036 milhões de pessoas encontraram uma ocupação. Já a população desocupada diminuiu em 699 mil pessoas no trimestre.

A população inativa somou 64,946 milhões de pessoas no trimestre encerrado em abril, 8 mil a mais que no trimestre anterior. Em um ano, esse contingente encolheu em 3,606 milhões de pessoas. O nível da ocupação – percentual de pessoas ocupadas na população em idade de trabalhar – passou de 55,3% no trimestre encerrado em janeiro para 55,8% no trimestre até abril.


Fonte: Pleno News

Aviso de cookies
Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nossos serviços. Ao utilizar nossos serviços, você concorda com tal monitoramento. Saiba mais na nossa Política de privacidade