Saúde

Médico realizou laqueaduras em apenas um dia na Maternidade Municipal Wall Ferraz, onde está sendo apurada suposta troca de laqueaduras por votos

Publicado em: Segunda-feira, 09 de Maio de 2022, 13:12h - Por: Efrém Ribeiro
Compartilhar
Reprodução

Um apenas um dia, em 16 de janeiro deste ano, um só médico realizou três cirurgias cesarianas de laqueadura em três pacientes, sendo uma delas do município de Demerval Lobão, e uma de 19 anos, do bairro Horto Florestal, na zona Leste de Teresina, na Maternidade Municipal Wall Ferraz, da Prefeitura de Teresina, no conjunto Dirceu, na zona Sudeste da capital piauiense.

A Ouvidoria do Ministério Público Estadual do Piauí está investigando denúncia de que alguns médicos estão realizando cirurgias cesarianas de laqueaduras em troca de votos para um médico pré-candidato a deputado estadual da base de apoio ao Governo do Piauí e do pré-candidato do PT ao Governo do Estado, Rafael Fonteles.

As cirurgias de laqueadura são proibidas pela atual legislação, a não ser que a paciente corra risco de morte e complicações na futura gravidez; ter no mínimo 21 anos de idade, mas somente depois de uma avaliação multiprofissional e sempre depois do parto e não durante o parto, como está sendo feito na Maternidade Municipal Wall Ferraz.

O subprocurador da Fundação Municipal de Saúde (FMS) de Teresina, advogado Juliano Mendes, declarou que a repartição só poderá iniciar apuração das denúncias de realização de cirurgias cesarianas de laqueaduras por suposta troca de votos quando for notificada pelo Ministério Público Federal.


Fonte: Efrém Ribeiro

Aviso de cookies
Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nossos serviços. Ao utilizar nossos serviços, você concorda com tal monitoramento. Saiba mais na nossa Política de privacidade